segunda-feira, 8 de abril de 2013

PÉROLA NEGRA


______PÉROLA NEGRA______
Raykorthizo Perez.




A xaninha do meu amor
É peluda cabeluda pentelhuda
Pêlos que são versos
Versos que são xana
Versos de um poema profano
Minúscula gruta sagra
Fenda macia e suave
Barroca imagem de santa
Performance em ritmo e cadência
É uma referência

A xaninha do meu amor
Tem seus pêlos negros
É uma orquídea negra
 Cisne negro
Asas da graúna

A  xaninha do meu amor
É cabeluda peluda e pentelhuda
Tapete persa negro
Macia como um veludo
Luva suave plumas macia
Cacho de uva na chuva
Eu chupo
degusto o néctar do suco

Ah...como eu a desejo tanto, tanto
Ah... como eu a amo tanto mamo

Doce sabor ao ser lambida
Beijada
Mamada
Chupada
Misteriosa
desvenda-se ao passar do passear 
de minha língua
E o segredo
Revela-se ao deslizar de meus toques
Entrega-se em ato submisso do falo em riste
Explodindo vulcão em chamas
Caldas ferventes fumegantes ardentes

A xaninha do meu amor
É o paraíso
Principio e fim
Alfa e ômega
Lenda hebraica
Aramaica parábola
Alfabeto grego
É mais que tesão
É tesãosão
Meu tesouro pedra preciosa ouro
Rubi brilhante diamante

A xaninha do meu amor
Minha fascinação meu encanto
Canto
Inverso e universo verso
Do meu reino encantado
Tanto
Que não sei o que seria de mim
Sem a xaninha cabeluda pentelhuda peluda
De minha amada?







Http://www.facebook.com/raykorthizo.perez
http://www.recantodasletras.com.br/autores/raykorthizo

__________________________________
_________________________________
Grato pela sua visita. Ela é muito importante

6 comentários:

  1. Uma bucetinha dessas deixa qualquer um taradão, bem inspirado, camarada.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigado pela visita. Realmente dá para se lambuzar, é bom demais.

      Excluir
  2. Uma me chamou atenção em especial,perfeita!!!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigado pela sua carinhosa visita. Você é uma amiga cheia de carinho e atenção.

      Excluir